sexta-feira, 20 de dezembro de 2013

Preços das casas terminam 2013 a cair mais lentamente

Portugal e Espanha foram dos países europeus que mais sentiram a quebra do preços das habitações desde 2008, uma quebra que parece ter vindo a diminuir durante o ano de 2013, apesar da instabilidade verificada.

De acordo com os últimos dados divulgados pelo Eurostat em outubro, os preços em Portugal registaram uma quebra homóloga de 4,6% no 2º trimestre do ano, face a 2012, altura em que Espanha registou a maior quebra do conjunto da UE, de 10,6%. Nesta altura, a média europeia foi de 1,3%. Estas quebras foram, no entanto menos acelaradas do que as quebras homólogas, face a 2011.

Continuar a ler...
Fonte: VI