quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

APEMIP e Governo preparam protocolos com chineses para travar abusos nos vistos gold

O investimento estrangeiro na aquisição de imóveis poderá atingir os 600 milhões de euros em 2014, o dobro do montante registado em 2013. O negócio de venda de imóveis a estrangeiros, maioritariamente chineses, está a correr bem, como revelam as 56 autorizações concedidas já este ano, mas também estão a ser acompanhadas com preocupação no sector e dentro do Governo.

Em causa estão notícias de alegados abusos, que poderão começar nas agências de imigração, mas que também passarão pele inflacionamento de preços de imóveis, pela prática de comissões elevadas e pela mediação ilegal.


Fonte: Público