quarta-feira, 12 de fevereiro de 2014

SIL 2014: França e China são mercados estratégicos para a internacionalização

Em 2014 e dando continuidade à estratégia já definida nos últimos anos, a organização do SIL - Salão Imobiliário de Portugal reforça o enfoque nos mercados externos, afirmando-se como o mais dinâmico parceiro estratégico no apoio à internacionalização das empresas do sector da construção e do imobiliário.

A captação de investimento estrangeiro para Portugal, através da atração de novos investidores para o salão realizado em Lisboa, e a internacionalização do sector imobiliário, levando as empresas nacionais para mercados em expansão, é uma prioridade estratégica da Fundação AIP.

Citando Maria João Rocha de Matos, directora-geral da AIP – Feiras, Congressos e Eventos, “o SIL afirma-se cada vez mais como uma plataforma de excelência no apoio à internacionalização das empresas portuguesas num sector tão importante como o da construção e do imobiliário”, acrescentando a responsável que esta evidência se concretizou “na edição de 2013 do Salão onde, a convite da organização do SIL e da CIMLOP, estiveram presentes cerca de 100 investidores europeus, chineses e de países da CPLP, o que originou a realização de 750 reuniões com mais de 150 empresários portugueses. Esta iniciativa trouxe alento e positivismo a um sector que tem atravessado períodos agitados”.

Para Maria João Rocha de Matos “a vinda de investidores estrangeiros a Portugal e as acções que promovemos além-fronteiras com empresários portugueses, fazem parte de toda uma estratégia concertada da AIP – Feiras, Congressos e Eventos, cooperando com as empresas nacionais no fomento da sua expansão em novos mercados.”

Fonte: FIL/SIL