sexta-feira, 21 de março de 2014

Fim da salvaguarda do IMI aumenta receitas em 2014

O ministério das Finanças estima uma poupança de 175 milhões de euros com o Imposto Municipal sobre Imóveis, que se traduzirá num agravamento para as famílias, quando pagarem este imposto em 2015 (o IMI paga-se um ano depois).

Esta poupança para o Estado surge pela via da cláusula de salvaguarda, que poderá ser utilizada para limitar os aumentos deste imposto, este ano (imposto de 2013) pela última vez.


Fonte: DN