terça-feira, 8 de abril de 2014

Depois dos russos, os chineses chegam ao Algarve à procura de ar puro e golfe

Albertino Galvão, agente imobiliário na empresa Garvetur, acaba de chegar de uma viagem de uma semana a Xangai, onde foi promover o Algarve. Depois de divulgar os “campos verdes e a leveza do ar que se respira”, trouxe de lá uma missão: “Pediram-me para organizar um torneio de golfe”.

O Algarve ainda não recebe um número significativo de visitantes dos chamados mercados emergentes asiáticos, mas há sinais de mudança. “Vendemos a chineses, nos últimos cinco meses, cerca de duas dezenas de vivendas, em Vilamoura”, convicto de que não será pelo sol e praia que se conquistam os turistas de Xangai ou Pequim.


Fonte: Público