segunda-feira, 28 de abril de 2014

O que mudou no imobiliário depois do 25 de Abril

Na altura em que se comemoram os 40 anos do 25 de Abril de 1974, o SOL falou com quem viveu antes e depois da Revolução dos Cravos, para perceber o que mudou no imobiliário. Tal como nas outras áreas da sociedade, a forma de habitar também alterou.

Antes do 25 de Abril, o arrendamento era a opção da maioria dos portugueses. Ou se arrendava uma casa ou juntavam-se vários agregados familiares na mesma habitação. Por isso, era habitual as casas terem muitas assoalhadas, ainda que pequenas. Quem investia em imobiliário eram pessoas com rendimentos elevados e outros que juntavam poupanças para comprar prédios ou casas para depois arrendarem. O financiamento dos bancos era quase inexistente. Era este o cenário antes de 1974. Depois, tudo mudou.


Fonte: SOL