segunda-feira, 19 de maio de 2014

Aguirre Newman projecta o Centro Global de Operações da Siemens

A Siemens Portugal inaugurou o seu novo Centro Global de Operações mundial na área das Tecnologias de Informação em Alfragide. A Aguirre Newman foi a consultora imobiliária responsável pelo projecto de arquitectura, execução e acompanhamento da obra destas instalações, com cerca de 1.000m² de área bruta.

O departamento de arquitectura da Aguirre Newman criou para esta empresa um registo adequado ao espaço e ao meio envolvente.

O espaço ocupado por este Centro foi escolhido pela potencialidade de uma linguagem industrial e pela própria configuração do espaço que se distingue por um tecto inclinado e por infra-estruturas expostas.

Deste modo, a Aguirre Newman conseguiu tirar partido destas características já existentes e fez questão de as realçar, inserindo-as num ambiente moderno, confortável e natural, onde plantas e floreiras com seixos rolados marcam presença, bem como áreas lounge, superfícies em vidro para escrita e elementos multimédia estimulam a criatividade e interacção entre colaboradores.


Este novo centro global de operações na área das TI vai complementar as operações da sede na Alemanha e desenvolver plataformas de TI estratégicas para o bom funcionamento da organização, que serão depois utilizadas nos 190 países, dos 5 continentes onde a Siemens marca presença.

O novo centro está a criar numa primeira fase 150 postos de trabalho, sendo possível o crescimento para 300 postos numa segunda fase.

Esta inauguração contou com a presença do Ministro da Economia, António Pires de Lima, no qual referiu que esta empresa é um exemplo de empresa que “faz da qualificação das pessoas um factor crítico de sucesso, que aposta no talento português na capacidade de engenharia, na área das tecnologias de informação e no know-how que sai das escolas e das universidades”.

Segundo Joana Rodrigues, Directora do Departamento de Arquitectura da Aguirre Newman: “A estreita comunicação com a Siemens e a nossa capacidade para interpretar todas as suas exigências permitiram que fosse possível desenvolver este projecto em tempo recorde. Consideramos este tipo de projecto revigorante, uma vez que sentimos verdadeiramente a aposta nos recursos que o nosso país pode oferecer e que de forma indirecta estamos a contribuir para o desenvolvimento económico.”

Fonte: Aguirre Newman