terça-feira, 17 de junho de 2014

Absorção de escritórios em Lisboa em Maio 2014 regista acréscimo de 74%

Segundo a mais recente análise da Aguirre Newman a área de escritórios contratada em Maio de 2014 totalizou 5.819 m2, valor 74% acima do registado em igual período de 2013 (2.987 m2).

Em termos acumulados, a área de escritórios contratada nos primeiros cinco meses do ano (33.812 m2) foi superior em 95% à registada em igual período do ano transacto.

O total das operações registadas de Janeiro a Maio de 2014 foi de 98, correspondendo a mais 34 transacções de arrendamento do que em igual período do ano anterior.

 O maior número de operações verificou-se no Parque das Nações (Zona 5) e no Corredor Oeste (Zona 6), com respectivamente 29% e 20% da área transaccionada.

A Zona Emergente (Zona 3) registou apenas 4 operações, correspondentes a 6% da área transaccionada. Numa análise geográfica do número de transacções registadas de Janeiro a Maio de 2014, destaca-se o crescimento da CBD (Zona 2) e do Parque das Nações (Zona 5), com, respectivamente, mais 12 e 8 transacções, que em igual período de 2013.

Analisando a distribuição geográfica dos m² colocados, a Zona 2 (CBD) e a Zona 5 (Parque das Nações) registaram os maiores crescimentos da área contratada nos primeiros cinco meses de 2014 face a igual período de 2013, respectivamente 6.495 m2 e 4.667 m2.

Fonte: Aguirre Newman