segunda-feira, 16 de junho de 2014

Renda média contratada no Porto foi de 5,7€/m² em 2013

De acordo com o SIR (Sistema de Informação Residencial) – Arrendamento, a renda média habitacional contratada no concelho do Porto em 2013 foi de 5,7€/m2, acima da média da Área Metropolitana do Porto (AM Porto), onde a renda média dos contratos realizados pela pool de empresas do SIR-Arrendamento foi de 4,6€/m2.

Este concelho concentrou cerca de 30% dos 2.290 contratos de arrendamento celebrados por estas empresas durante o ano passado na AM Porto, revela a Confidencial Imobiliário, que gere e analisa esta base de dados.

Dentro do Porto, as freguesias de Cedofeita, Ramalde, Lordelo de Ouro e Paranhos foram as mais dinâmicas em termos de arrendamentos contratualizados, concentrando entre 15% e 16% cada do total dos contratos realizados em 2013 neste concelho.

No que concerne as rendas, as freguesias do Porto a apresentarem os valores médios contratados mais elevados foram a Cedofeita e o Lordelo de Ouro, onde as rendas médias das casas atingiram os 6,1€/m2 e os 5,6€/m2, respetivamente.

No entanto, foram também estas duas freguesias aquelas em que as casas demoraram mais tempo a ser arrendadas em 2013, atingindo os 14 e os 11 meses, respetivamente, quando a média do concelho se cifrou em 7 meses.

Nos concelhos de Vila Nova de Gaia e de Matosinhos, que foram responsáveis por, respetivamente, 22% e 16% dos contratos de arrendamentos concretizados em 2013 na AM Porto, as rendas médias contratadas atingiram os 4,6€/m2 no primeiro caso e os 5,7€/m2 no segundo.

Fonte: Ci