terça-feira, 8 de julho de 2014

Há 1,5 milhões de casas degradadas em Portugal e são precisos 38 mil milhões para as reabilitar

Há 1,5 milhões de casas degradadas em Portugal e são precisos 38 mil milhões de euros para reabilitar o parque habitacional. Cerca de 24 mil milhões, ou seja, 63% do total, correspondem a intervenções em edifícios muito degradados.

A região Norte representa um terço do custo estimado. As conclusões são de um estudo da Confederação Portuguesa da Construção e do Imobiliário (CPCI), encomendado à Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto, e que esta tarde é apresentado no Porto, com a presença do ministro do Ambiente, Ordenamento do Território e da Energia, Jorge Moreira da Silva.

O trabalho, que pretende constituir-se como um "instrumento para o decisor político e para as empresas que, desta forma, conhecendo o mercado potencial, podem posicionar-se", faz um diagnóstico preocupante da situação do mercado.


Fonte: Dinheiro Vivo