sexta-feira, 26 de setembro de 2014

Investidores atentos aos ativos imobiliários do Grupo Espírito Santo

Os investidores institucionais já estão a olhar para os activos do Grupo Espírito Santo (GES) e do Banco Espírito Santo (BES) que vão ter de ser vendidos na sequência da crise que afetou a empresa.

É o caso dos hotéis Tivoli, que até já tiveram manifestações públicas de interesse, ou ainda dos edifícios de escritórios e de habitação de luxo da Espírito Santo Property, alguns concluídos e outros ainda em obra, como uma reabilitação de dois prédios em plena Avenida da Liberdade.


Fonte: DV