quarta-feira, 12 de novembro de 2014

Confederação do imobiliário alerta que nova lei pode aumentar especulação do preço dos solos

A Confederação Portuguesa da Construção e do Imobiliário (CPCI) admitiu hoje a possibilidade de aumento do risco de especulação do preço de terrenos, no âmbito do desaparecimento da classificação de solos urbanizáveis na nova lei dos solos.

Na sua intervenção durante a conferência "Habitação, Arrendamento e Propriedade Urbana, a decorrer em Lisboa, o presidente da CPCI, Manuel Reis Campos, considerou que a existência apenas de solos urbanos e rurais, imposta no novo diploma, pode “significar que a limitação da especulação pode ser posta em causa”.


Fonte: Jornal i