quarta-feira, 12 de novembro de 2014

Crédito da casa a seis meses sente maior alívio de prestação

Todos os créditos à habitação revistos este mês vão beneficiar de um alívio de prestação. Os empréstimos indexados à Euribor a seis meses sofrem o maior corte de encargos: 3,4%.

As medidas de choque tomadas pelo Banco Central Europeu (BCE) no início do mês de Setembro continuam a surtir um efeito positivo nos bolsos dos portugueses com crédito à habitação. Quem revir a taxa de juro do seu empréstimo da casa este mês vai ver a prestação reduzir-se entre 1,7% e 3,4%, com os contratos indexados à Euribor a seis meses a beneficiarem do maior corte de encargos.


Fonte: DE