segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

TNT com novo escritório no edifício Office Oriente

O novo escritório da empresa de correio expresso TNT foi colocado pelas consultoras B. Prime e Cushman & Wakefield no edifício Office Oriente, num investimento que ascende a um milhão de euros.

O edifício Office Oriente vai acolher o Central Strategic Account Desk da TNT da Europa, em Lisboa, criando 50 novos postos de trabalho constituídos por equipas especializadas em acompanhar todos os envios estabelecendo uma comunicação centralizada entre a empresa e os seus maiores e mais estratégicos clientes internacionais.

A B. Prime que comercializa, em exclusivo, o Edifício Office Oriente representou o proprietário, enquanto a Cushman & Wakefield (C&W) representou o inquilino neste negócio que representou uma ocupação de cerca de 1.200m2.

Segundo José Domingos, Director Geral da TNT Portugal: “Este é um momento muito importante na nossa história, pois traduz o início da estratégia de investimento na TNT Portugal. O nosso país e Lisboa em concreto oferece um conjunto muito interessante de meios que viabilizam investimentos desta natureza e potencializam um futuro promissor.”

De acordo com Jorge Bota, Managing Partner da B. Prime: “Neste processo em que Lisboa foi a localização escolhida para acolher esta unidade de negócio, o Office Oriente destacou-se dos seus congéneres europeus, o que prova que o mercado imobiliário português é muito competitivo. Este edifício, em concreto, é um excelente exemplo de um espaço de escritórios ideal para empresas que tenham critérios de instalação exigentes, tal como a TNT que se junta à sede da IBM. A sua localização privilegiada no Parque das Nações é outro aspecto relevante, já que este edifício se situa em plena Av. D. João II, perto da FIL, da Estação do Oriente e do Centro Comercial Vasco da Gama.”

Para Carlos Oliveira, partner e diretor do departamento de escritórios da C&W, “A instalação desta área de negócios neste imóvel tem a ver com a proximidade da sede portuguesa da TNT e a qualidade intrínseca do mesmo. É sempre uma boa notícia verificar que algumas multinacionais estão a expandir o seu negócio em Portugal com o consequente impacto positivo no imobiliário e no emprego”.

Este edifício de escritórios que se destaca pela eficiência de espaço é constituído por dois blocos. Destaca-se pelas soluções tecnológicas de última geração ao nível da climatização e dos materiais de construção empregues para além de ser detentor de uma vista panorâmica e de um jardim interior.

Fonte: B. Prime / Cushman & Wakefield