quarta-feira, 11 de março de 2015

Misericórdia comprou em 2008 prédios por 32 milhões que seis meses antes custaram 18 milhões

A Misericórdia de Lisboa comprou dois edifícios por 32 milhões de euros, em Março de 2008, durante o Governo de José Sócrates, que haviam custado 18 milhões seis meses antes.

Três anos depois, já no mandato de Santana Lopes, a instituição teve de registar nas suas contas uma imparidade, por perda de valor daqueles edifícios, no montante de 15,5 milhões de euros. A média das avaliações realizadas em Dezembro de 2011 atribuiu-lhes um valor de apenas 14,6 milhões. Mais tarde, em 2013, a instituição acabou por se desfazer deles por 14,9 milhões.

Continuar a ler...

Fonte: Público