quinta-feira, 12 de março de 2015

Vistos gold tornam Avenida da Liberdade em zona residencial

A Avenida da Liberdade, em Lisboa, passou a ser zona residencial devido à procura de casa por cidadãos chineses, enquanto a Comporta, em Grândola, é preferência de franceses, refere a consultora JLL numa análise ao investimento estrangeiro imobiliário em Portugal.

Em declarações à agência Lusa, Maria Empis, diretora de Pesquisa da JLL, notou que os compradores chineses centram-se em Lisboa, demonstrando preferência pelas «cidades novas e modernas».


Fonte: TVI 24