segunda-feira, 27 de abril de 2015

Vilamoura, o charme de uma senhora de meia idade

A Lusotur tem novos donos e deles espera-se que tragam um outro fôlego a Vilamoura, que ainda tem 700 mil metros quadrados disponíveis para construção. Agora que completou 50 anos de existência, irá o resort ganhar uma cidade sobre a água?

Vinte anos depois de André Jordan ter comprado a Lusotur, Vilamoura mudou de donos e ainda não estamos a falar da chegada dos americanos da Lone Star, os protagonistas daquele que é já um dos negócios do ano: a empresa algarvia de promoção e construção imobiliária, fundada nos anos 60 por Arthur Cupertino de Miranda, foi vendida, no final de março, a um fundo de investimento dos EUA, por um valor próximo dos 200 milhões de euros.

Continuar a ler...

Fonte: Visão