quarta-feira, 24 de junho de 2015

Taxa de juro no crédito à habitação volta a cair em maio para 1,285%

No conjunto dos contratos de crédito à habitação a taxa de juro implícita passou de 1,300% em abril para 1,285% em maio. A prestação média vencida para a globalidade dos contratos situou-se em 240 euros, menos 1 euro que o valor observado em abril.



Em maio, a taxa de juro implícita no crédito à habitação1 diminuiu, face ao mês anterior, 0,015 pontos percentuais para 1,285%, mantendo a tendência decrescente dos últimos 10 meses. Para os contratos celebrados nos últimos 3 meses, a taxa de juro implícita fixou-se em 2,738% em maio, inferior em 0,110 pontos percentuais à taxa registada no mês anterior.

No destino de financimento Aquisição de Habitação, principal destino dos contratos de crédito à habitação, a taxa de juro implícita no conjunto de todos os contratos e para os celebrados nos últimos 3 meses, situou-se em 1,293% e 2,680%, respetivamente (1,307% e 2,800% em abril, pela mesma ordem).