sexta-feira, 18 de setembro de 2015

IHRU já aprovou obras no valor de 10,6 milhões de euros

Lançado no passado dia 9 de julho, o programa Reabilitar para Arrendar conta já com 47 candidaturas aprovadas ou em fase final de aprovação, num investimento total de 10,6 milhões de euros, o que representa 20% dos 50 milhões de euros que constituem a linha de crédito.

O IHRU, entidade gestora do programa de financiamento, contabiliza 508 candidaturas, entre iniciadas e submetidas, totalizando 1.727 habitações e investimentos que rondam, em média, 211 mil euros por processo.

O Reabilitar para Arrendar, tem como objetivo o financiamento de operações de reabilitação de edifícios com idade igual ou superior a 30 anos, que após reabilitação deverão destinar-se predominantemente ao mercado de arrendamento habitacional, em regime de renda condicionada. Podem candidatar-se a este programa pessoas singulares ou coletivas, de natureza privada ou pública.

A intervenção já em curso na Rua da Moeda, 30/34, em Coimbra, constitui um exemplo de uma candidatura submetida com sucesso ao Reabilitar para Arrendar, pelo Fundo Coimbra Viva I, que conta igualmente com outra candidatura aprovada e mais 6 em condições de serem submetidas.

Outro caso de sucesso, é a Santa Casa da Misericórdia do Porto, que já apresentou 10 candidaturas, num investimento total de 1,5 milhões de euros.

Programa Reabiliar para Arrendar - Habitação Acessível

Fonte: IHRU