quarta-feira, 4 de novembro de 2015

Regus estabeleceu parceria com DTZ, CBRE, Colliers International e JLL

A Regus estabeleceu uma parceria com quatro empresas de consultoria imobiliária: DTZ, CBRE, Colliers International e JLL. Em Portugal será a CBRE a ajudar a líder mundial em soluções de espaço de trabalho flexíveis a expandir a sua rede e a solidificar as aquisições imobiliárias.

Este acordo, inédito no setor imobiliário, engloba a avaliação estratégica para a aquisição de novos espaços para trabalho flexível até à execução dos mesmos, de modo a responder à elevada procura deste tipo de soluções no mercado de trabalho.

Com mais de 3.000 centros de negócios e 2,1 milhões de clientes em mais de 850 cidades em todo o mundo, a Regus é líder mundial em soluções de espaços de trabalho flexíveis. Só em 2014 cresceu mais de 20% ao adicionar mais 400 localizações à sua rede mundial, desde Londres a Durban até Bombaim, para satisfazer o crescimento da procura a nível mundial.


Em Portugal, a Regus acaba de abrir o oitavo business center em Portugal, no edifício Amoreiras Square, em plena capital. Encontra-se atualmente em Lisboa – Amoreiras, Avenida da Liberdade, Chiado, Torres de Lisboa, Parque das Nações, Miraflores e Quinta da Fonte – e no Porto.

Rick Bertasi, diretor geral do Group Network Development da Regus, explica: “O âmbito e a ambição destas parcerias estratégicas não têm precedentes – não só na Regus mas inclusive no setor imobiliário. As empresas DTZ, CBRE, Colliers International e JLL vão ajudar-nos a desenvolver novos processos que irão facilitar aos clientes aceder a um espaço de trabalho flexível, quando e onde quiserem. Estes processos – e o simultâneo crescimento da Regus – também oferecem uma oportunidade global única para os proprietários que podem posicionar os seus imóveis de modo a responder a estas necessidades.”

A formação de uma parceria estratégica com estas empresas líderes de serviços de consultoria imobiliária, bem como a sua posição geográfica e conhecimento das áreas de negócios, vão fortalecer a oferta e ajudar a Regus a atingir o objetivo de criar os espaços de trabalho do futuro.

Fonte: Regus