terça-feira, 5 de janeiro de 2016

Francisco Silva Carvalho: Exclusividade mas não tanto!

Como é sabido, as principais mediadoras imobiliárias tendem a impor aos clientes a contratação em regime de exclusividade. Entendemos, contudo, que tanto os mediadores, em geral, como o público, em particular, têm uma ideia errada da abrangência dessa exclusividade.

Concretizando: A exclusividade prende-se essencialmente com a promoção do negócio - durante o período estipulado no contrato (3, 6 meses) o cliente não pode contratar outro mediador, nem pode ele próprio promover a venda do imóvel (anunciando-o ou praticando outros actos de divulgação).

Continuar a ler...

Fonte: Out of the Box