segunda-feira, 14 de março de 2016

BCE corta juros, mas as Euribor subiram em todos prazos

As taxas utilizadas como indexantes na generalidade dos contratos de crédito à habitação inverteram a tendência. Depois dos mínimos, mesmo com o corte de taxas do BCE, subiram em todos os prazos.

Quando o Banco Central Europeu (BCE) corta os juros, a tendência é para que as taxas de mercado recuem. Mas não foi isso que aconteceu desta vez. A perspectiva de que não haverá mais cortes na taxa de referência levou as Euribor a registarem valorizações em todos os prazos. Ainda assim, continuam todas em "terreno" negativo.

Continuar a ler...

Fonte: Negócios