sexta-feira, 8 de abril de 2016

Prestação da casa recua para novo mínimo de sempre

Contratos de crédito revistos em Abril vão sentir um alívio entre 1,4% e 3,1% nos encargos mensais. Maior quebra beneficiará os créditos indexados à Euribor a 12 meses.

O próximo mês é marcado por um novo alívio de encargos para os portugueses com crédito à habitação. Apesar de ainda faltarem duas sessões para o fecho do mês da Euribor, já é possível perceber que quem revir a taxa de juro do seu empréstimo da casa em Abril vai passar a pagar uma prestação mais baixa. A quebra de encargos varia entre um mínimo de 1,4% e um máximo de 3,1%.

Continuar a ler...

Fonte: DE