quinta-feira, 7 de abril de 2016

Proprietários pouco otimistas quanto ao fundo de reabilitação urbana

Os proprietários não estão satisfeitos com a nova modalidade do fundo público para a reabilitação urbana. A promessa é do governo e passa por investir, através do Fundo de Estabilização Financeira da Segurança Social, 1400 milhões de euros na recuperação de património público e na aquisição, para reabilitação e arrendamento, de património privado.

O presidente da Associação Lisbonense de Proprietários, Luís Menezes Leitão acusa o Executivo de apresentar medidas contraditórias. Num dia prorroga o congelamento das rendas, o que, no entender do mesmo, não dá “nenhuma viabilidade em qualquer operação de reabilitação” e, agora prepara-se para investir num fundo para esse fim.

Continuar a ler...

Fonte: Jornal i