quarta-feira, 18 de maio de 2016

Imobiliário português lidera preferência dos franceses

Graças ao estatuto de residentes não habituais, os franceses reformados expatriados ficam isentos de impostos durante dez anos, desde que passem 183 dias em Portugal e não terem tido residência fiscal no nosso país durante os últimos cinco anos, refere um trabalho publicado hoje pelo diário francês de economia ‘Les Échos’.

Desde 2013 já 25 mil franceses se instalaram em Portugal, segundo disse a Câmara de Comércio e Indústria Franco-Portuguesa ao ‘Les Échos’, referindo que o número tem vindo a crescer de ano para ano.