segunda-feira, 30 de maio de 2016

Valores de imobiliário ‘disparam’ nos arredores de Lisboa

O valor médio da habitação ‘disparou’ 16% em Almada, 12,3% na Amadora e 11,9% em Oeiras, desde março de 2013, altura em que o mercado imobiliário bateu no fundo, tanto em termos de preços como de número de negócios realizados. De resto, toda a região suburbana de Lisboa, incluindo ainda Loures, Vila Franca de Xira e Seixal registaram subidas acima dos 6% nos últimos três anos.

Os valores — apurados pelo Expresso com base nas avaliações bancárias mensais compiladas pelo Instituto Nacional de Estatística (INE) —, indicam ainda que os preços médios das casas na capital do país sofreram um acréscimo de 7,6% de março de 2013 até abril deste ano.


Fonte: Expresso