terça-feira, 3 de janeiro de 2017

Sobretaxa do IMI. Investidores deverão ficar

A poucos dias do começo de 2017, a Associação dos Profissionais e Empresas de Mediação Imobiliária de Portugal (APEMIP) prevê que, “se não houver asneiras”, os investidores estrangeiros não deixarão de investir em Portugal por causa do adicional ao imposto Municipal sobre Imóveis (IMI).

De acordo com Luís Lima, presidente da associação, a receita do adicional aplicado a imóveis avaliados por mais de um milhão de euros "deve ser diminuta e as consequências e a imagem podem ser negativa".

Quando fala em investimento estrangeiro, o presidente da APEMIP fala sobretudo de investidores brasileiros que têm estado a comprar essencialmente na zona norte do país.

Continuar a ler...

Fonte: Jornal i